Instalar o Vivaldi

This post is also available in: English 日本語 Русский Français Español Deutsch Nederlands Српски Українська Dansk Português Български

Dependendo do seu sistema operativo, a instalação do Vivaldi pode ter pequenas diferenças.

Para instalar o Vivaldi no Windows:

  1. Transfira o ficheiro de instalação a partir de Vivaldi.com/download;
  2. Grave o ficheiro .exe no seu computador e abra-o;
  3. Para uma instalação autónoma ou para mudar o idioma da interface, clique em Avançado;
  4. Leia as Condições de Utilização do Vivaldi e clique em Aceitar e instalar.

Quando o processo de instalação termina, o navegador abre automaticamente. Percorra o fluxo de boas vindas para tomar as suas primeiras decisões de personalização e depois comece logo a navegar ou vá às Definições para fazer mais ajustes.

Requisitos de sistema

No Windows, o Vivaldi pode ser instalado em Windows 7, Windows 8, Windows 8.1, Windows 10 ou posterior.

No Windows XP apenas funciona o Vivaldi 1.0. Pode transferi-lo do Arquivo de transferências.

Opções de instalação

Clique em Avançada no canto superior direito da janela do instalador para revelar várias opções.

Idioma

Escolha o idioma que pretende que seja usado pela interface do seu navegador. O idioma escolhido será também usado como idioma de destino para traduções e os websites podem usá-lo para determinar em que idioma apresentar o conteúdo do website.

Tipo de instalação

  • Instalar para todos os utilizadores – O navegador será instalado para todas as contas de utilizador do sistema operativo.
  • Instalação por utilizador – O navegador será instalado apenas para o utilizador atual.
  • Instalação autónoma – O navegador fica limitado a uma única pasta, que inclui os dados de utilização e, a menos que opte por o definir como navegador padrão, não será adicionado ao registo no sistema operativo. Escolha esta opção se já instalou o Vivaldi e pretende criar uma versão do navegador independente ou portável. Pode ler mais aqui sobre a versão autónoma.

Opções adicionais

  • Pasta de destino – Mostra o caminho para o executável do navegador. Os dados de utilizador (perfil do navegador) são guardados na paste padrão do sistema. No caso de instalações autónomas, a pasta de destino incluirá os ficheiros da aplicação e os dados de utilizador.
  • Definir o Vivaldi autónomo como aplicação por defeito – Ativar esta opção adiciona o navegador ao registo do seu sistema operativo, para que possa abrir rapidamente vários tipos de ficheiros a partir do sistema operativo e de outras aplicações.
  • Desativar atualizações automáticas (não recomendado) – Por norma, o Vivaldi transfere atualizações automaticamente e instala-as no arranque seguinte do navegador. Quando desativado, terá que verificar e transferir atualizações manualmente.

Was this page helpful?